BACK
Internacional

Associação Médica Americana retira as restrições contra Hidroxicloroquina

Associação Médica Americana declara que retira as restrições contra Hidroxicloroquina e admite seus benefícios, liberando para uso em tratamentos precoces visto a quantidade de artigos científicos citando seus resultados positivos na dose e na hora correta.

Resolução 509 Pág 2 Linha 48

Considerando que, há muitos estudos que indicam que o uso de hidroxicloroquina, Azitromicina é eficaz e os médicos de linha de frente estão usando a terapia quando permitido (13, 14, 15); e

Click to continue reading

Considerando que a pandemia de COVID-19 é um problema médico sério, pessoas estão morrendo e médicos devem ser capazes de atuar como prescritores sagazes; portanto seja

Resolução 509 Pág 3 Linha 4 até 7

RESOLVEU, Que nossa American Medical Association rescindiu sua declaração pedindo médicos para parar de prescrever hidroxicloroquina e cloroquina até que haja evidência suficiente disponíveis para ilustrar conclusivamente que o dano associado ao uso supera o benefício no início. Insinuar que tal tratamento é impróprio contradiz a Política AMA.

Resolução 509 - Linha 18

RESOLVEU, Que nossa AMA tranquilize os pacientes cujos médicos estão prescrevendo hidroxicloroquina e terapias combinadas para o diagnóstico de COVID-19 em estágio inicial emitindo uma declaração atualizada esclarecendo nosso suporte para a capacidade de um médico de prescrever um medicamento aprovado pela FDA21 para uso off-label, se estiver em seu melhor julgamento clínico, com referência ao uso de hidroxicloroquina e terapias combinadas para o tratamento do estágio inicial do COVID-19 (Diretiva para Ação); e aí seja mais longe

RESOLVEU, Que nossa AMA tome as medidas necessárias para exigir que as farmácias locais preencham as prescrições que são emitidas por médicos e consistentes com os princípios da AMA articulados em Política AMA H-120.988, "Acesso do Paciente a Tratamentos Prescritos por Seus Médicos",

Resolução 509/ Pág 2 - Linha 12

Considerando que a hidroxicloroquina e a cloroquina são medicamentos aprovados pela FDA há mais de 50 anos, e esses medicamentos são prescritos com segurança em longo prazo para outras indicações

Resolução 509/ Pág 2 - Linha 27 a 32

Visto que um regime proposto para tratar COVID-19 para o Estágio 1 inclui 10 dias de

hidroxicloroquina, azitromicina, zinco e ocasionalmente vitamina D (6); e Visto que este regime não está sendo defendido para terapia com COVID nos Estágios 2 e 3;

Visto que os estudos originais publicados no The Lancet e no The New England Journal of Medicine (NEJM) inicialmente citando danos devido ao uso de hidroxicloroquina e cloroquina foram retirados pelos referidos periódicos devido à metodologia de pesquisa duvidosa e conclusões incorretas

Confira no PDF - (copie e cole no google tradutor)

Novembro 2020

https://www.ama-assn.org/system/files/2020-10/nov20-handbook-addendum.pdf